Uma praga comestível

15 março 2018













Nothoscordum gracile (Alliaceae)

Andei a recolher alhos bravos espontâneos. São os alhos que temos no quintal. Por enquanto de tudo o que temos e colhemos nada foi plantado.

Sempre conheci estas flores como sendo uma praga difícil de combater e quase impossível de eliminar.

Há pouco tempo descobri que os seus alhos são comestíveis e fiquei curiosa por experimentar. Neste momento estão a secar, o que deve demorar com este tempo húmido.

Um dos próximos livros a comprar será da Fernanda Botelho.

Sem comentários:

Publicar um comentário