Uma pegada ecológica

26 julho 2014































Se o verde fosse mesmo esperança, então esse seria o meu nome de baptismo. Não consigo e também nunca tentei, viver sem o verde das plantas e não é só tê-las, é cuidá-las e fazê-las multiplicarem-se


Esse é o maior desafio, observar o que a natureza é capaz faz-nos tomar consciência da nossa insignificância e ter essa consciência é uma boa ferramenta para darmos valor ao que realmente é importante, para nós e neste mundo cada vez menos verde. 

É uma tarefa difícil para quem realmente se empenha em defender o nosso ecossistema, mas se todos colaborarmos com um "passinho" de cada vez, essa "caminhada" tornar-se-á mais eficaz.

É uma tarefa fácil de realizar individualmente, esta de aumentar a cor verde no mapa, basta cada um fazer a sua parte e não tem de ser grande, mas à medida de cada um. 

As abóboras crescem a olhos vistos e já estão em flor, espero que também elas se adaptem à mudança e quem sabe daqui a uns meses crescerão abóboras numa varanda da baixa.

6 comentários :

  1. Anónimo09:03

    I think this is among the most vital information for
    me. And i'm glad reading your article. But want to remark on few general things, The web site style is perfect,
    the articles is really excellent : D. Good job, cheers

    Feel free to visit my weblog; exterior home renovations ()

    ResponderEliminar
  2. As plantas são "criaturas" surpreendentes, crescem e florescem nos lugares mais inusitados. Boa sorte às abóboras, as outras plantas estão lindas - no vaso maior são gerânios?

    Abs,

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. As do vaso grande são as abóboras, têm agora as flores amarelas, que espero, não caiam todas. : )

      Eliminar
  3. Que delícia de fotos (e mensagem).
    Posso perguntar-te como provocas as raízes nas folhas das suculentas?
    Deixas só ao ar?

    Obrigada!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sim, muitas das folhas que caem começam a criar raízes. As folhas mais carnudas e resistentes, podem-se enterrar um pouco que acabam por enraízar, mantendo a terra húmida mas não encharcada, senão melam.

      Eliminar