43

11 abril 2014




Quando olho pra mim e me vejo com estes 43 anos, não consigo deixar de imaginar como seria ter outros e não estes. Nesta altura da minha vida posso dizer que pouco ou nada tenho de meu e nos últimos dois anos o que perdi levou de arrasto grande parte do que eu era. 

Aos 43 vou fazer por nascer outra vez, agora para mim. 
Não vou traçar planos, não vou criar grandes espectativas, mas vou estar alerta, a tentar que tudo corra mais devagar, mas corra bem. 

Todos os anos no nosso íntimo fazemos listas de objectivos para a vida, listas que acabamos por cumprir ou não, hoje não pensei em nada, não quero pensar em nada, mas tenho uma lista de prioridades para as próximas duas semanas, não fui eu que a fiz, fizeram-na para mim, apenas me comprometi a cumpri-la. Não me incomoda começar assim, com apoio, significa que não estou sozinha e só isso já é bom. Vai ser assim, devagar, a correr sem pressa, para correr bem. 
À minha frente tenho um longo caminho, a olhar "pra" mim, mas principalmente "por" mim.

12 comentários :

  1. Sim, é preciso ir devagar mas, com convicção. E com amor, sempre.

    ResponderEliminar
  2. Um Beijinho para te desejar uma boa caminhada!
    Parabéns.

    ResponderEliminar
  3. Haja caminhos para trilhar ! Que não te falte boa companhia !
    Parabéns :)

    ResponderEliminar
  4. Felicidades, Alexandra! Me doy cuenta ahora que ya te acompañé en otros cumpleaños...y no sé si servirá de mucho pero lo seguiré haciendo. Eres una buena compañia, un placer poder compartir contigo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada Rosa! Um beijo para ti*

      Eliminar
  5. Já venho atrasada mas ainda posso te desejar um ano feliz. Sei que vais conseguir! Um passo de cada vez, consciente dele próprio. E não te esqueças de dar um abraço a ti própria de vez em quando :) O meu para ti, fica aqui ***

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Virgínia e como sabe bem esse abraço... : )

      Eliminar
  6. Muito atrasados, mas que os abraços nunca faltem. Um beijo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Rute, abraços são sempre bons, venham eles! : )

      Eliminar