03 setembro 2010

Fundação Calouste Gulbenkian


























Da Gulbenkian só guardo boas recordações, tinha que lá levar a M. As primeiras obras são da artista Ana Vidigal, a outra é do Almada Negreiros e faz parte da colecção do museu. O que guardava de melhor, eram as memórias do jardim, também foi do que ela gostou mais. O melhor fim de tarde que poderiamos ter passado em Lisboa.

2 comentários :

  1. Não sei se já disse, mas estou apaixonada por este blog. :))
    Continuem a partilhar.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  2. Muito obrigada, é muito bom ouvir isso... :-)

    ResponderEliminar